Brasil

A Bahia teve o maior número de tremores de terra no Nordeste em novembro


A Bahia teve o maior número de tremores de terra no Nordeste em novembro
(Foto Reprodução da Internet)

A Bahia foi o estado do Nordeste com maior número de tremores de terra no mês de novembro, com 14 abalos sísmicos registrados. O balanço foi divulgado pelo Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (Labsis – UFRN), que é referência nesse tipo de ocorrência na região.

A Bahia faz fronteira com Alagoas, Pernambuco e Ceará. No entanto, Rio Grande do Norte, Sergipe, Piauí, Paraíba e Maranhão não registraram atividades sísmicas. No total, ocorreram 24 eventos de terremotos na região Nordeste.

Segundo o estudo, na Bahia, os tremores foram sentidos nas cidades de Jaguarari (7), Sítio do Mato (1), Jacobina (3) e no Oceano Atlântico no sul da Bahia (3).

O professor Anderson Nascimento, coordenador do LabSis/URFB, explicou que tremores a partir de 1.5 mR de magnitude já são sentidos pela população, como movimentação de objetos dentro de casa, por exemplo.

Na cidade de Jaguarari, no norte do estado, houve vários tremores, mas nenhum ultrapassou a magnitude de 1.9 mR. Apesar de os moradores terem sentido os tremores, não houve danos na estrutura da cidade. O maior tremor aconteceu no sul da Bahia, no Oceano Atlântico, em 14 de novembro, e registrou 2.9 mR.

Segundo a universidade, a magnitude de um terremoto é medida pela sua potência, tendo como base a quantidade de energia liberada no local onde acontece. Essa medida é feita com sismógrafos. Hoje em dia, muitos especialistas em terremotos usam o termo “magnitude do momento” para descrever terremotos de média a alta potência. Apesar de ser calculada de maneira diferente da escala Richter antiga, os valores resultantes ainda podem ser comparados e nos ajudam a entender a força dos abalos.

Dicas de segurança importantes de como agir durante um terremoto divulgadas pelo LabSis:


🔥 Recomendado para voçê 🔥