Economia

A Bolsa da Argentina caiu nesta semana de ações econômicas após subida desde a eleição de Milei


A Bolsa da Argentina caiu nesta semana de ações econômicas após subida desde a eleição de Milei
(Foto Reprodução da Internet)

O Merval, principal índice da Bolsa Argentina, recuou cerca de 1,72% na semana em que o ministro da economia, Luís Caputo, apresentou pacote de medidas do governo (11 a 15/12). As informações constam em levantamento realizado pelo Trademap.

Na terça-feira (12), Caputo anunciou medidas duras para enfrentar a crise financeira, como cortes nos gastos e desvalorização do peso argentino.

Apesar do recuo na semana passada, desde a eleição de Javier Milei como presidente do país em 19 de novembro, o Merval teve um avanço de 43,5%.

Segundo o estudo, as ações da Yacimientos Petrolíferos Fiscales (YPF), uma empresa estatal argentina de petróleo, aumentaram em 76,43% desde a eleição de Milei. Na semana em que Caputo tomou medidas, avançaram 3,28%.

As ações do Banco Macro, Grupo Financiero Galicia e Pampa Energia também tiveram um aumento significativo, sendo de 53%, 47% e 46%, respectivamente.


🔥 Recomendado para voçê 🔥