Brasil

Brasileiros estão na lista de estrangeiros para sair de Gaza nesta sexta-feira


Brasileiros estão na lista de estrangeiros para sair de Gaza nesta sexta-feira
(Foto Reprodução da Internet)

A relação das personas estrangeiras autorizadas a sair de Gaza foi publicada na noite de quinta-feira, hora de Brasília. De acordo com o comunicado, amanhã, sexta-feira, 33 brasileiros e seus acompanhantes poderão sair da zona de conflito através da cidade de Rafah, no Egito.

Inicialmente, o grupo era composto por 34 pessoas, mas a avó de Shahed al-Banna, jovem de 18 anos, não recebeu a autorização para deixar a Faixa de Gaza.

Continua depois da publicidade

Um grupo de 22 brasileiros, nove palestinos e duas pessoas de outros países recebeu permissão para deixar Gaza. Eles serão repatriados com a ajuda da Força Aérea Brasileira (FAB), que possui um avião disponível no Cairo, capital do Egito, cedido pela Presidência.

Confira a nacionalidade dos estrangeiros autorizados a deixar Gaza nesta sexta-feira:

Continua depois da publicidade

Estados Unidos: 14 Canadá: 266 Romênia: 107 Indonésia: 6 Polônia: 26 Brasil: 33 Rússia: 85 Índia: 7 Albânia: 14 China: 10 Dinamarca: 4 Alemanha: 6 Holanda: 2 Nova Zelândia: 12 Malásia: 2

O Exército de Israel realizou ataques aéreos em resposta aos ataques do grupo Hamas.

Palestinos olham para uma casa destruída depois de um ataque aéreo de Israel em Rafah, ao sul da Faixa de Gaza.

O conflito entre Israel e a Palestina já dura um mês e causou mais de 11 mil mortes.

O Metrópoles perguntou ao Itamaraty sobre a remoção do nome da avó de Shahed al-Banna da nova lista, mas não recebeu resposta. A questão ainda está sem uma resposta.

Os brasileiros que estavam em Gaza deveriam ter saído hoje, mas não puderam devido à falta de autorização. O governo brasileiro está negociando com as autoridades de Israel para trazer essas pessoas de volta ao Brasil.

Na nova negociação, o ministro das Relações Exteriores de Israel, Eli Cohen, informou ao Itamaraty que a saída será na próxima sexta-feira.

“Cohen afirmou não ter sido possível cumprir a garantia dada por ele de que os brasileiros sairiam ontem, 8/11, por fechamentos inesperados na fronteira. Assegurou a [Mauro] Vieira que brasileiros e familiares estarão na lista de estrangeiros autorizados a cruzar a fronteira amanhã [sexta]”, escreveu o Ministério das Relações Exteriores de Israel em nota.


🔥 Recomendado para voçê 🔥