Política

Depois de romper com Dino em 2022, Weverton apresentará um relatório favorável à indicação ao STF


Depois de romper com Dino em 2022, Weverton apresentará um relatório favorável à indicação ao STF
(Foto Reprodução da Internet)

Quase dois anos após o rompimento com Flávio Dino (PSB-MA), o senador Weverton Rocha (PDT-MA) planeja apresentar um relatório favorável à indicação do atual ministro da Justiça para o Supremo Tribunal Federal (STF).

A divulgação do provável parecer, apoiando a nomeação de Dino para o STF, ocorre após uma recente aproximação entre Weverton e o atual ministro da Justiça. Em agosto, os dois estiveram juntos em um evento oficial do Ministério da Justiça na sede do governo do Maranhão. Desde então, aliados de Weverton descrevem a relação entre os dois como “muito boa” e afirmam que não estão mais em lados opostos.

No entanto, observadores políticos divergem sobre a natureza dessa relação, alguns a classificando como “fria” e “civilizada”. Nesse contexto, o relatório sobre a indicação ao Supremo pode representar um passo em direção à total recomposição.

O rompimento entre eles ocorreu em janeiro de 2022, quando Dino, então governador do Maranhão, anunciou seu apoio ao vice-governador Carlos Brandão na disputa pelo Palácio dos Leões. Na época, Weverton, também pré-candidato ao governo estadual, expressou seu desapontamento nas redes sociais.

Weverton foi designado relator da indicação de Dino na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) no Senado na segunda-feira (27). A sabatina está marcada para 13 de dezembro, conforme anunciado pelo presidente do colegiado, senador Davi Alcolumbre (União Brasil-AP).


🔥 Recomendado para voçê 🔥