Brasil

Gangue faz “arrastão” em cafeteria e leva 40 celulares + dinheiro


Gangue faz “arrastão” em cafeteria e leva 40 celulares + dinheiro
(Foto Reprodução da Internet)

Num café localizado na Rua Barão de Tatuí, em Santa Cecília, região central de São Paulo, uma quadrilha realizou um assalto na tarde desta quarta-feira (15), feriado da Proclamação da República. De acordo com informações da Secretaria da Segurança Pública (SSP), a Polícia Militar (PM) foi informada por testemunhas de que quatro criminosos invadiram o estabelecimento, levando aproximadamente 40 celulares de clientes e funcionários, além de dinheiro do caixa.

Os assaltantes fugiram do local, e as vítimas, então, acionaram a PM. A polícia compareceu à cafeteria e solicitou as imagens das câmeras de segurança. Os vídeos serão entregues à Polícia Civil, que ficará responsável por registrar e investigar o caso por meio do 77º Distrito Policial (DP) em Santa Cecília.

Continua depois da publicidade

Até a última atualização desta reportagem, nenhum suspeito pelo crime foi identificado ou preso, e nenhum telefone foi recuperado. A Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que, até às 8h desta quinta-feira (16), nem a cafeteria nem as vítimas haviam registrado boletim de ocorrência na delegacia. O registro é crucial para ajudar a polícia nas investigações.

Conforme a SSP, “diligências estão em andamento para localizar e prender os criminosos.”

Continua depois da publicidade

Na quarta-feira, a Folha de S.Paulo relatou que os criminosos “entraram armados e mascarados” na cafeteria chamada Mug. Os assaltantes chegaram de carro, desceram do veículo e realizaram o assalto em uma ação que, segundo a Folha, “durou cerca de dois minutos.”

A SSP, por meio de nota divulgada pela assessoria de imprensa, informou que está reforçando o policiamento na região central, com “120 policiais militares atuando na Operação Impacto-Centro, além de disponibilizar mais de 1,5 mil vagas pela Atividade Delegada.”

“A Polícia Civil também intensificou as operações de inteligência e policiamento especializado, com foco na identificação de traficantes e autores de crimes patrimoniais. Ao longo de 2023, foram registradas 4.932 prisões ou apreensões na região, aumento de 29,7% em comparação ao período de 2022, e 107 armas de fogo retiradas das ruas”, continua o comunicado da Secretaria da Segurança.

A reportagem buscou entrar em contato com a cafeteria para obter comentários sobre o incidente.


🔥 Recomendado para voçê 🔥