Brasil

Grupo evangélico se opõe à permissão de cassinos e bingos online


Grupo evangélico se opõe à permissão de cassinos e bingos online
(Foto Reprodução da Internet)

A bancada evangélica informou ao presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, que não concorda com a inclusão de cassinos e bingos online no projeto de apostas esportivas aprovado pelo Senado. Essa resistência intensa pode impedir a aprovação do texto este ano.

O texto estava em votação na Câmara nesta terça-feira, porém a votação não ocorreu como esperado.

Em conversa com deputados evangélicos nesta noite, Lira recebeu alertas, principalmente de deputados do Rio de Janeiro e da Bahia, sobre os riscos de aprovação do texto ampliado ? que, além das apostas esportivas, liberaria a modalidade virtual de cassinos e bingos.

“Não podemos colocar na internet coisas que a lei proíbe no mundo físico, como os bingos e cassinos. Essa é uma discussão que precisa acontecer antes. Não acho que teremos tempo para isso este ano. Está próximo demais”, explicou o deputado federal Sóstenes Cavalcanti (PL-RJ) após se reunir com o presidente da Câmara.

O grupo selecionou Sóstenes para ser porta-voz da bancada e lidar com esse texto. Lira pediu que a Frente Evangélica continuasse discutindo sobre a aprovação dele, sem interromper o diálogo.

Para o presidente da Câmara, é necessário fazer mais do que apenas aprovar o texto do Senado sobre as apostas esportivas. Lira reconheceu que é importante ter mais diálogo com as bancadas para garantir que o texto seja equilibrado e impeça práticas ilegais.

No Brasil, desde 2001, não é permitido que bingos, cassinos e máquinas caça-níqueis funcionem. Atualmente, há uma tentativa de regulamentar esses jogos, e alguns políticos estão apoiando essa medida devido à possibilidade de arrecadação de impostos. Se legalizados, os donos dos jogos serão obrigados a pagar tributos.


🔥 Recomendado para voçê 🔥