Brasil

Inmet diz que fortes chuvas vão acontecer no sul do país nos próximos dias


Inmet diz que fortes chuvas vão acontecer no sul do país nos próximos dias
(Foto Reprodução da Internet)

Os estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul estão enfrentando tempestades nos próximos dias, como alertado pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) e confirmado pela MetSul Meteorologia.

Nas últimas horas, choveu muito nas cidades de Passo Fundo (RS) e Frederico Westphalen (RS), com registros de 135 mm e 95 mm, respectivamente. Em Santa Catarina, as chuvas foram intensas também, com acumulado máximo até quinta-feira (7) de 189 mm em Rio das Antas e 159 mm em Praia Grande.

Continua depois da publicidade

No Paraná, durante o mesmo período, choveu 98 mm em Clevelândia e 94 mm em Cidade Gaúcha.

Segundo a MetSul, é esperado um aumento nos níveis de chuva até sexta-feira (7), principalmente nas regiões Norte do Rio Grande do Sul e Paraná. Também é previsto um episódio de chuva intensa no início da próxima semana no Sul do Brasil.

Continua depois da publicidade

A variação dos volumes das chuvas em Santa Catarina tem apresentado algumas mudanças ao longo do tempo. Dados históricos indicam que houve períodos em que o volume das chuvas foi menor do que o normal, enquanto em outros momentos, as chuvas foram mais intensas.

Essas flutuações nas chuvas impactam diretamente algumas regiões do Estado, principalmente na agricultura e no abastecimento de água. Em épocas de chuvas mais escassas, as plantações podem ser afetadas, gerando prejuízos para os agricultores. Já em situações de chuvas mais intensas, surgem problemas relacionados às enchentes e aos alagamentos, podendo danificar a infraestrutura e causar transtornos para a população.

Por isso, é importante acompanhar de perto as previsões meteorológicas e manter medidas preventivas para lidar com essas variações nos volumes das chuvas. É fundamental investir em infraestrutura urbana adequada, sistemas de drenagem e preservação ambiental, visando mitigar os efeitos adversos das chuvas intensas e maximizar os benefícios das chuvas mais brandas.

Além disso, cabe ressaltar a importância de conscientizar a população sobre o consumo consciente de água, a conservação das fontes hídricas e a adoção de práticas sustentáveis na agricultura, para garantir o uso adequado dos recursos naturais e a minimização dos impactos das chuvas em Santa Catarina.

As cidades catarinenses têm absorvido a maior quantidade de volume de chuvas da região Sul. De acordo com a Defesa Civil do Estado, nesta sexta-feira (8), a frente fria se afastará gradativamente do estado.

O deslocamento deve causar pancadas de chuva entre a madrugada e o período da manhã, com risco baixo a pontualmente moderado para ocorrências associadas às chuvas.

Os ventos serão fracos no interior do estado e moderados ao longo da costa, incluindo Florianópolis e Baixo Vale. As rajadas podem chegar a 50-70 km/h, o que aumenta o risco de destelhamentos e queda de galhos e árvores.


🔥 Recomendado para voçê 🔥