Entretenimento

Isabeli Fontana fala sobre sua recuperação após a retirada do silicone, dizendo que está “muito bem”


Isabeli Fontana fala sobre sua recuperação após a retirada do silicone, dizendo que está “muito bem”
(Foto Reprodução da Internet)

Hoje, a modelo Isabeli Fontana compartilhou nas redes sociais informações sobre sua recuperação após a cirurgia de remoção dos implantes de silicone.

No Instagram dela, ela falou sobre a técnica usada pelos médicos para reconstruir as mamas depois de tirarem os implantes tradicionais. A modelo disse que usaram gordura do próprio corpo para encher as mamas.

Continua depois da publicidade

“Estou muito feliz com isso. Eu já fiz sete cirurgias nos meus seios e nunca gostei do resultado. Depois de ter filhos, precisei colocar implante e descobri essa nova opção de usar minha própria gordura para dar um pouco mais de volume. Tem sido incrível!”

Em seguida, Fontana compartilhou as mudanças de seu corpo. Ela disse: “Quero mostrar a vocês como meu corpo está agora. Meu seio ficou bastante diferente, pois sempre quis remover o implante, mas os médicos não me permitiam. Eles diziam que não ficaria bom, mas finalmente encontrei um/a cirurgião/ã plástico/a chamado/a JK. Estou muito feliz com o meu corpo agora, sem tanto volume”.

Continua depois da publicidade

Isabeli está se recuperando há 15 dias e diz que o pós-operatório está passando rápido demais. Ela se sente muito bem e está feliz com os resultados, embora ainda precise tomar alguns cuidados e fazer exercícios leves.

Ao responder o questionamento de uma internauta sobre ter sofrido com a “doença silicone”, Isabeli relembrou o período que passou com as próteses.

“Eu acordava de madrugada com uma dor no peito, uma sensação de peso. Então a sensação é de que agora saiu esse peso, esse cansaço [?] A gente pensa ?se eu tirar o silicone, vou ficar sem volume?, mas eu acho que, dependendo de cada caso, é muito bacana colocar a gordura do próprio corpo para você fazer o preenchimento do tamanho que você gostaria [?]”, relatou.

A doença relacionada ao silicone é um termo usado para descrever complicações médicas associadas ao uso de produtos de silicone no corpo humano. Este tipo de condição pode ocorrer quando ocorre vazamento ou ruptura de implantes de silicone utilizados em cirurgias plásticas, resultando em diferentes sintomas e complicações, incluindo inflamações, infecções e problemas na saúde. É importante manter vigilância e procurar atendimento médico adequado ao preocupar-se com os sintomas desse tipo de doença.

De acordo com o médico Ricardo Krieger, especialista em reumatologia do Hospital Sírio-Libanês, a Doença do Silicone é uma das formas de manifestação da Síndrome de Asia. Essa síndrome se refere a um grupo de substâncias que podem induzir uma resposta imunológica e causar sintomas clínicos. O silicone é uma dessas substâncias.

De forma mais simples, acredita-se que os adjuvantes, como o silicone, causam uma estimulação contínua do sistema imunológico. Isso é considerado uma inflamação e uma resposta do próprio corpo contra antígenos em pessoas sensíveis.

O problema pode acontecer por causa da aspereza do implante ou da própria cirurgia, pois a prótese é um objeto estranho que, ao ser implantado, pode levar bactérias para o corpo e causar uma resposta do sistema imunológico.

Krieger explica que a Síndrome de Asia não é de fácil diagnóstico, por ter sintomas que podem ser confundidos separadamente. Nos últimos critérios, propostos em 2019, é recomendado que o diagnóstico relacionado aos implantes de silicone se dê um mês depois do procedimento. Se o paciente apresentar sintomas antes, não é considerado Síndrome de Asia, porque ela não se manifesta rapidamente, podendo demorar anos.

Existem diferentes sinais. Não é uma doença específica, é uma síndrome que afeta várias partes do corpo. As pessoas podem sentir dores nos músculos, ficarem cansadas e terem dificuldade de energia. Também podem sentir dor nas articulações e ter inflamação nos tendões e articulações ou nos músculos, e isso pode afetar o sistema nervoso. Além disso, elas podem reclamar de formigamento ou mudanças na sensibilidade, principalmente nas mãos e nos pés.


🔥 Recomendado para voçê 🔥