Economia

Lula acha que Prates tem muitas ideias, ele disse isso após o chefe da Petrobras compartir uma nova possibilidade de abrir uma filial no Oriente Médio


Lula acha que Prates tem muitas ideias, ele disse isso após o chefe da Petrobras compartir uma nova possibilidade de abrir uma filial no Oriente Médio
(Foto Reprodução da Internet)

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou neste domingo (3) que desconhece a intenção de Jean Paul Prates, presidente da Petrobras, em estudar a possibilidade de abrir uma sucursal no Oriente Médio. Lula concedeu entrevista a jornalistas, após sua participação na COP28, em Dubai.

“Você precisa perguntar isso ao Jean Paul Prates. Não recebi informações sobre a criação de uma Petrobras aqui”, disse Lula.

O presidente brasileiro disse que precisa entender o que a pessoa planeja fazer. Ele comparou sua velocidade de pensamento com a de uma Fórmula 1, enquanto ele próprio é mais parecido com um Volkswagen. Ele também declarou que não sabe em que áreas a Petrobras pretende investir.

De acordo com uma reportagem da Bloomberg News, o presidente da Petrobras afirmou, por meio de uma mensagem, que a empresa iniciará estudos para avaliar a abertura de uma unidade da Petrobras no Oriente Médio, após o anúncio de que o Brasil irá aderir à Opep+.

Em entrevista ao Valor Econômico, Prates informou que a nova empresa subsidiária da Petrobras receberia o nome de “Petrobras Arábia”. O presidente da Petrobras faz parte da equipe liderada por Lula, que está participando de uma conferência sobre o clima da ONU.

Ponto de vista divergente

Enquanto o governo brasileiro busca se destacar na transição para fontes de energia limpa, surge o debate sobre a Petrobras abrir uma unidade no Golfo Arábico.

O presidente Lula anunciou que o Brasil vai se juntar à OPeP+, um grupo menor da Organização dos Países Exportadores de Petróleo, onde o nosso país não terá direito a voto.

Durante a entrevista coletiva, Lula afirmou que a Petrobras continuará explorando petróleo. Ele ressaltou a importância desse combustível fóssil na economia global e destacou que a empresa irá aprimorar a qualidade da gasolina.

Lula afirmou que, durante a transição energética, a Petrobras não deve se restringir apenas ao petróleo. Ele destacou a necessidade de a empresa se transformar em uma organização sólida e contribuir para o crescimento do Brasil.

“Mas, ao mesmo tempo, a Petrobras vai se transformar numa empresa não de petróleo apenas. Numa empresa que vai cuidar da energia como um todo”, disse o petista.

Constrangimento

Em segredo, pessoas próximas de Lula acharam o pronunciamento do presidente da Petrobras muito desrespeitoso com o próprio presidente do Brasil. Alguém disse que esse assunto devia ter sido conversado antes e que o Lula deveria ter sido informado.

Além disso, de acordo com as informações apuradas, o assunto não se alinha à ideia de gerar empregos no Brasil.


🔥 Recomendado para voçê 🔥