Brasil

Mulher denuncia violência doméstica em vídeo com agressão no Instagram


Mulher denuncia violência doméstica em vídeo com agressão no Instagram
(Foto Reprodução da Internet)

Uma moradora de Sorocaba, no interior de São Paulo, usou as redes sociais para denunciar, neste fim de semana, o companheiro por violência doméstica. Neste domingo (19/11), o vídeo com as agressões viralizou e já tinha mais de 80 mil visualizações, além um alerta de conteúdo sensível no Instagram.

Nas imagens gravadas pela vítima, o homem a imobiliza sobre uma cama e a impede de se levantar. A mulher chora o tempo todo e, durante boa parte da gravação, tem os gritos abafados pelo agressor. A vítima ainda tenta argumentar, mas segue contida pelo companheiro. Angustiada, ela pede que ele pare com a agressão. “Eu não fiz nada para você, tira a mão de mim”, diz.

Continua depois da publicidade

Nas imagens a seguir, os rostos, tanto da mulher quanto do homem, foram borrados devido ao enquadramento da filmagem, que não permitiria expor apenas o agressor, sem revelar a identidade da vítima.

“Vim aqui me pronunciar e dar uma alerta para mulheres que sofrem”, diz. “Não é fácil você sempre se doar por uma pessoa, e a pessoa fica sempre desequilibrada, te xinga e te maltrata. Não é de hoje que isso está acontecendo em casa. Hoje tive coragem de me expor”, afirma.

Nas postagens, ela expõe também a sogra, argumentando que mulher protege o filho. “Não basta o agressor me bater, me xingar dentro de casa, a queridíssima mãe dele manda mensagem me desmoralizando, como se o filho dela fosse um exemplo, como se eu fosse errada e ele, a vítima”, diz.

Continua depois da publicidade

Em troca de mensagens com a mãe do agressor, a vítima conta que fez de tudo para ter uma família e “uma relação com conversa”. “Não fui criada para achar isso normal. Ele vai pagar por tudo o que ele fez”, afirma.

Investigação

Questionada, a Secretaria da Segurança Pública disse em nota que, até o momento, não há registro de boletim de ocorrência sobre os fatos. “No entanto, assim que tomou conhecimento das imagens, a autoridade policial da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Sorocaba iniciou as investigações dos fatos”, afirmou.

Segundo a SSP, a vítima foi identificada e orientada quanto as medidas protetivas de urgência. “A DDM está à disposição da vítima para formalizar o registro do BO e colher mais informações que auxiliem no esclarecimento dos fatos”, disse.


🔥 Recomendado para voçê 🔥