Política

No dia 8 de janeiro, os ministros e aliados perceberam um perigo à segurança do Lula


No dia 8 de janeiro, os ministros e aliados perceberam um perigo à segurança do Lula
(Foto Reprodução da Internet)

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) queria embarcar rumo a Brasília para liderar a resposta aos ataques de 8 de janeiro, mas teria sido convencido por alguns de seus principais conselheiros de que sua segurança poderia estar em risco.

O livro “Uma Cidade na Luta pela Vida, da Pandemia ao 8 de janeiro”, escrito por Edinho Silva, ex-ministro e prefeito de Araraquara, foi lançado hoje em São Paulo.

Continua depois da publicidade

No livro sobre a administração de Edinho, há um capítulo que descreve em detalhes o que ocorreu no dia 8 de janeiro.

O presidente estava na cidade quando soube dos ataques aos prédios dos Três Poderes. Ele foi lá para ajudar as vítimas das fortes chuvas que estavam acontecendo naquela época.

Continua depois da publicidade

Segundo o prefeito, Lula tinha a intenção de ir logo para a capital federal, mas foi convencido a montar um gabinete de crise em Araraquara.

Segundo Edinho, Lula costumava liderar sem intermediários. Porém, todos na sala expressaram de forma intensa a reação de que Lula não poderia ir para Brasília sem ter completo controle da situação.

Era arriscado para Lula tentar voltar. Era possível que ele não conseguisse sair do aeroporto, ou que ficasse cercado na base aérea. Também era possível que os golpistas tentassem invadir o aeroporto.

No livro, Edinho também conta com detalhes como lidou com a pandemia da Covid-19 e critica a forma como o ex-presidente Jair Bolsonaro agiu diante dessa crise de saúde.

A cidade foi pioneira em adotar o lockdown como medida para conter a disseminação do vírus.

Edinho, que foi considerado para ser ministro do governo Lula, terminará seu quarto mandato como prefeito de Araraquara no próximo ano.

O prefeito é um membro do PT que esteve no governo de Dilma Rousseff como ex-ministro da Secretaria de Comunicação Social da Presidência. Ele é uma das pessoas próximas ao presidente.


🔥 Recomendado para voçê 🔥